Nova opção em receivers

25 de fevereiro de 2011

Outra novidade que vimos aqui no Canadá foi a linha de receivers da Anthem, empresa que a Paradigm comprou anos atrás e que agora pretende brigar mais de frente com as principais marcas do setor (Denon, Onkyo, Yamaha e Marantz, principalmente). Para quem não sabe (eu não sabia), a Anthem é uma espécie de herdeira da Sonic Frontier, que foi no passado uma das referências em equipamentos valvulados. Com a queda desse mercado, seus competentes engenheiros foram recrutados para fazer a transição ao mundo digital, com financiamento da Paradigm. Criaram uma elogiada série de powers e processadores; agora é a hora de disputar no segmento mais popular, que é o de receivers.

Vimos aqui três modelos, sendo um deles com entrada USB, o que significa mais facilidade para conexão de aparelhos multimídia (o dock para iPhone é vendido à parte). Os receivers também oferecem sistema de equalização da sala, mas a novidade nesse campo é um software chamado PBK (Paradigm Bass Kit): um microfone que analisa as características acústicas da sala a partir de cinco posições, enviando os dados para um processador instalado dentro do subwoofer; este então “orienta” o funcionamento do receiver (qualquer marca).

Os revendedores especializados que viram as demos aqui gostaram; alguns, até, já querem levar o microfone na bagagem.

Deixe uma resposta