TV Panasonic de 65″. E não é plasma!

panasonicForam cerca de 45 minutos, com vários apresentadores, e em nenhum momento se ouviu a palavra “plasma”. Sim, aconteceu hoje à tarde aqui em Berlim, durante a conferência de imprensa da Panasonic. Quando dois executivos da empresa abriram uma porta, e dela saiu um TV 4K de 65 polegadas (foto ao lado), todo mundo pensou na tecnologia que a maioria considera a melhor, e com a qual a resolução 4K – pelo menos na teoria – combina à perfeição.

Não era. Discretamente, a Panasonic partiu de vez para o LCD, e agora o TV de 65″ é seu produto top de linha. Sim, havia um plasma (de 60″) no estande, mas quase ninguém notou. A ordem agora é se concentrar em 4K e tentar oferecer, em LED-LCD, coisas que os concorrentes ainda não oferecem. Exemplo: certificação THX e um tal de “canal 4K”, que é como a empresa chama uma série de serviços via internet em que o usuário de seus produtos (TVs, câmeras e players) poderá acessar conteúdos 4K – isso, claro, quando houver banda larga suficiente.

O novo TV traz ainda duas características que o diferem dos demais 4K vistos até o momento. Uma é a conexão HDMI 2.0, lançada oficialmente também hoje aqui na IFA e cuja principal vantagem é aumentar em cerca de 80% a velocidade de transferência dos dados. Outra é a capacidade de processar imagens 4K na frequência de 60 quadros por segundo (60Hz), quando os modelos já lançados limitam-se a 30Hz. Na teoria, faz muita diferença. Vamos tirar a prova quando pudermos testar um desses aparelhos.

No comments yet.

Deixe uma resposta