Amazon já tem sua “smart home”

Uma boa polêmica está surgindo entre os profissionais americanos de AV e automação residencial, após o lançamento do programa Custom Home Services, da todo-poderosa Amazon. A gigante da internet anunciou que irá cadastrar integradores certificados pela CEDIA e colocá-los como “sugestão” aos clientes que acessarem sua página Smart Home Services. A parceria dará à CEDIA e seus mais de 2.700 associados uma visibilidade jamais sonhada. “Era uma oportunidade boa demais para ser desperdiçada”, comentou o atual presidente da CEDIA, Dennis Erskine. 

Mas nem todo mundo por lá está satisfeito. Numa raivosa carta publicada no site CE Pro, a “bíblia” do segmento, um dos mais respeitados profissionais do país, Chuck Schneider, acusa a Amazon de querer “destruir” o segmento especializado. “Vocês querem transformar suas lojas em cabines de drive-thru como as que vendem big macs”?, pergunta ele aos colegas, antes de listar uma série de experiências semelhantes que já viveu. No passado, diz, operadoras como DirecTV, Nextel e Sirius tentaram se aproximar dos integradores e os abandonaram.

Schneider acrescenta que, assim como acabou com as livrarias físicas, a Amazon está destruindo todo tipo de varejo, citando os exemplos de Sears e  Toys R’ Us (brinquedos), ambas falidas, além da Best Buy – esta seria um “paciente já na UTI”. Ele coloca em dúvida a honestidade da Amazon para lidar com o atendimento ao cliente final, e pergunta: “Será que vão financiar os serviços dos instaladores? Como será feito o pagamento? Quando os clientes reclamarem, quem terá a responsabilidade de atendê-los”?

Para quem quiser ler a carta na íntegra, em inglês, aqui está

Já se sabe que a plataforma Alexa, da Amazon, está revolucionando o setor de eletrônicos. Baseada em comandos por voz e redes sem fio facílimas de instalar e operar, certamente terá impacto sobre o negócio de instalações profissionais. A ilustração acima ironiza a situação:

“Alexa, por que você quer trabalhar com os instaladores da CEDIA”?

“Para oferecer uma experiência melhor aos nossos clientes hoje… e acabar com eles amanhã”. 

No comments yet.

Deixe uma resposta