Em Las Vegas, lançamentos e polêmicas

Nosso JULIO COHEN já está a todo vapor na “cidade do pecado” para cobrir a CES 2018. Oficialmente, o evento abre na 3a feira, mas neste sábado ele já pôde entrar no clima, como se vê no hot site que criamos especialmente para o evento

Aqui, na retaguarda, acompanhamos não apenas os lançamentos mas também os “bastidores virtuais” da CES. Aliás, a Feira não seria a mesma – que cobrimos desde 1997 – se não fosse as fofocas e polêmicas de bastidor. Mais ainda em tempos de Trump: o homem parece ter enlouquecido de vez ao propor algo que a sagrada Constituição americana (escrita e cumprida há quase 250 anos) proíbe terminantemente: a censura.

Trump não gostou de algumas revelações de um ex-assessor, que alimentou o jornalista Michael Wolf para escrever o livro Fire and Fury: Inside The Trump White House (em português, algo como “Fogo e Fúria: Por Dentro da Casa Branca de Trump”). Quis impedir a circulação, mas lá – ao contrário daqui, por exemplo – isso nem é levado a sério. Lançado no dia 5, o livro já é o mais vendido na Amazon, sucesso que deve se repetir conforme forem saindo as traduções pelo mundo afora. Aqui, detalhes do livro.

Se quiser, Trump terá que processar Wolf judicialmente e aguardar o resultado. Como o presidente já se indispôs algumas vezes com o setor de tecnologia, há entre visitantes e expositores da CES uma “discreta torcida” para que se cumpra uma das previsões de Wolf: seu livro pode derrubar o presidente.

No comments yet.

Deixe uma resposta