TCU encontra “gatos” na Ancine

19 de junho de 2018

Ainda a propósito da nota anterior: o dinheiro a ser arrecadado com a Condecine sobre serviços de VoD ainda não tem destinatário. Dentro do governo, há uma disputa por esse “prêmio”, cujo valor precisa ser calculado. O lobby dos produtores de cinema já entrou em ação, defendendo no Ministério da Cultura que a arrecadação seja toda investida na produção de conteúdos, através do Fundo Setorial do Audiovisual.

O problema, segundo o bem informado colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, é que esse fundo está sob a mira do Tribunal de Contas da União (TCU), que chegou a ameaçar suspender as atividades do FSA. O TCU encontrou falhas graves nos procedimentos de prestação de contas dos produtores, e agora deu 60 dias para a Ancine – responsável pela arrecadação e distribuição – apresentar um novo esquema de controle.

Deixe uma resposta