iPad Pro, mais uma vítima do vírus

2 de março de 2020


Nesta segunda-feira, a imprensa asiática noticiou que a Apple está transferindo para Taiwan a produção de alguns produtos até agora montados na China. A agência Taiwan News cita a realocação das linhas do iPad Pro 2, previsto para ser lançado este mês, mais os fones AirPods e o relógio Apple Watch. Segundo o site, a empresa americana concluiu que precisa mesmo diversificar seus fornecedores para não ser pega no contrapé em emergências como a do coronavírus. Até o final do dia, a Apple não havia se pronunciado a respeito.

A maior ameaça é o calendário de entregas do iPad Pro, produto em que a empresa aposta alto este ano e que é ansiosamente aguardado pelos especialistas. Será seu primeiro tablet 5G, equipado com o novo processador A14 e exibindo nada menos do que três câmeras, como o iPhone 11 Pro. Para preocupação dos executivos na Califórnia, desde meados de janeiro os fornecedores chineses simplesmente pararam de produzir. 

Deixe uma resposta