A nova estrutura da Semp TCL

29 de setembro de 2020

Em junho, comentamos aqui o acordo entre a Semp, mais antiga fabricantes brasileira de eletrônicos, e a chinesa TCL, que passou a controlar 80% da joint-venture Semp TCL. Agora, a empresa nos enviou alguns esclarecimentos importantes. Vale lembrar que a TCL vem sendo a fabricante que mais cresce no mundo, já superando em faturamento a LG no segmento de TVs. Ainda está longe da Samsung, mas o projeto do grupo é buscar a liderança, inclusive no Brasil.

Aproveitando a estrutura industrial da Semp em Manaus, a TCL continuará fazendo investimentos no Brasil, agora sob o comando de Carlos Li, executivo originário da área comercial do grupo chinês. Felipe Hennel Fay, bisneto do fundador da Semp, é agora vice-presidente da Semp TCL, ao lado de Haiping Yue, executivo chinês já há alguns anos no Brasil. 

Segundo Max Dominguez, diretor e porta-voz da empresa, nada vai mudar na estratégia: o plano continua sendo reforçar a atuação em TVs (inclusive 8K), entrar no segmento de áudio (a primeira soundbar sai agora em outubro) e mais à frente lançar eletrodomésticos e linha branca (a TCL já comercializa no Brasil smartphones e ar-condicionado).

Falando especificamente de TVs, o grupo vai manter as duas marcas Semp e TCL, sendo esta mais focada em produtos de alta tecnologia.

Deixe uma resposta