Quando voltaremos a ter eventos presenciais?

4 de fevereiro de 2021

Há pouco mais de um ano, relatávamos aqui os primeiros impactos da COVID-19 na indústria eletrônica, com o fechamento de fábricas na China afetando toda a cadeia de suprimentos para os demais países. Foi ainda em janeiro de 2020 que eventos começaram a ser cancelados diante da ausência de empresas chinesas. O primeiro deles, na área de tecnologia, foi o MWC (Mobile World Congress), em Barcelona, seguido pelo ISE (Integrated Systems Europe), em Amsterdam. Como um castelo de cartas, todos os demais eventos presenciais foram sendo adiados, ou simplesmente tirados do calendário, caso este da tradicionalíssima NAB (National Association Broadcasters), em Las Vegas, que não aconteceu em 2020 e agora está marcado também para outubro.

Nesta quinta-feira, a AVIXA (Audio Visual and Integrated Experience Association) anunciou o adiamento da InfoComm, principal evento do mercado Pro AV. Estava marcado para 12 a 18 de junho em Orlando (Flórida), e foi transferido para a última semana de outubro. Também o ISE 2021, que aconteceria pela primeira vez em Barcelona, mudou de data: seria agora em fevereiro, ficou para junho. Provavelmente, outros grandes eventos serão remanejados, já que entramos no 13o mês de pandemia sem perspectiva de controle da doença em nenhum país até agora.

Pelo visto, home office, lives e videoconferências continuarão conosco ainda por um bom tempo.

Deixe uma resposta