Claro é a primeira com “5G” no Brasil

3 de julho de 2020

Antecipando-se às concorrentes Vivo, Oi e Tim, a operadora Claro anunciou nesta quinta-feira o lançamento de seu serviço de celular 5G, que na verdade é um “4G aprimorado”. Explica-se: as transmissões em 5G ainda não estão liberadas pela Anatel, até porque dependem do já novelesco leilão de frequências tantas vezes adiado (o prazo agora é daqui a um ano). Para poder oferecer o serviço, que certamente tem larga demanda reprimida no país, a Claro vai usar a tecnologia DSS (Dynamic Spectrum Sharing).

“Compartilhamento Dinâmico de Espectro” é uma solução largamente utilizada em todo o mundo, que permite reaproveitar frequências de uma determinada faixa para transmitir em outra. O sinal obtido na ponta não é o verdadeiro 5G, mas funciona na prática como excelente upgrade para quem hoje usa 4G. Segundo a Claro, a velocidade da conexão pode ser até 12 vezes mais alta!

 

 

A operadora fez o comunicado em parceria com a Motorola, que está lançando o primeiro smartphone 5G do país, modelo Edge (foto), anunciado pelo preço sugerido de R$ 5.499. O aparelho também é o primeiro com o chip 765G, da Qualcomm, que possui modem 5G compatível com DSS e até Wi-Fi 6. Certamente, nos próximos meses outros smartphones dessa categoria chegarão ao mercado. 

Entre os especialistas, ninguém tem dúvidas de que a chegada do 5G causará uma revolução não apenas no segmento específico de telecom, mas em toda a cadeia tecnológica. A própria Claro, em seu comunicado, chama atenção para os setores de telemedicina e educação a distância, mas pode-se acrescentar segurança, eventos online, entretenimento e um longo etc. Com 5G, além de mais rápidas, as conexões são mais estáveis e têm maior alcance – dependendo, claro, da infraestrutura que as operadoras terão condições de montar. 

Mas, vendo pelo aspecto estritamente comercial, as primeiras implantações serão nos grandes centros urbanos, São Paulo à frente. É aí que está a principal demanda, acelerada com as quarentenas e as novas necessidades das empresas e seus funcionários. 

Um comentario para “Claro é a primeira com “5G” no Brasil”

  1. […] Todo mundo apostando na tecnologia DSS (Compartilhamento Dinâmico de Espectro), como comentamos aqui recentemente. Certamente haverá quem diga que é uma “enganação”, já que o sistema possui […]

Deixe uma resposta