Orlandobarrozo.blog.br

Tecnologia para tudo (e para todos)

Indústria recupera perdas de 2020

10 de dezembro de 2021

Em meio a tantas más notícias vindas de Brasilia, o setor eletroeletrônico pode comemorar um razoável ano de 2021. Saíram esta semana os dados da Abinee, que vêm confirmar os números da Suframa: o faturamento da indústria cresceu 7% no período janeiro-setembro, na comparação com os primeiros nove meses de 2020, chegando a R$ 214,2 bilhões.

Embora 2020 tenha sido um ano péssimo por causa da pandemia, os dados de agora ainda são superiores em 6% aos de 2019, mostrando que de fato houve uma reação. O problema é que esses números podem ser enganosos, pois não levam em conta a alta do dólar, que naturalmente faz subir as receitas da indústria – até porque boa parte delas vem das exportações.

Esmiuçando os dados da Suframa, que são mais detalhados, nota-se que a mudança de hábitos por causa da pandemia tem muito a ver com a recuperação. O segmento que mais cresceu foi o de informática, que representou mais de 27% de todas as vendas dos fabricantes que atuam em Manaus. Notebooks e tablets foram os campeões do setor, tendência que já era prevista com o crescimento do home office.

Mas, atenção: segundo a Suframa, o produto que mais cresceu em vendas este ano foi o home theater! Na verdade, a entidade classifica dessa forma os produtos de áudio e vídeo (menos players e TVs), ou seja, soundbars, minisystems, caixas acústicas etc. Ao todo, foram registradas 83,942 unidades vendidas, o que pode parecer pouco, mas representa aumento de 155% sobre 2020; aliás, cresceram muito também as vendas de players DVD e Blu-ray: 149% (vejam mais detalhes aqui). E isso em plena era do streaming!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *