Orlandobarrozo.blog.br

Tecnologia para tudo (e para todos)

Eventos mostram as telas do futuro

21 de junho de 2022

NAB, em abril, DisplayWeek e ISE (maio) e InfoComm (junho) foram quatro eventos da indústria eletrônica que marcaram um novo salto tecnológico na área de displays. Pelos relatos de quem esteve lá, já se fala em telas gigantes com naturalidade, como se elas fossem – e parece que são mesmo – o futuro do mercado.

Infelizmente para quem gosta ou trabalha com projetores, essa é uma categoria de produto que tende a ocupar menos espaço, devido à incrível evolução das tecnologias baseadas em LED e OLED. Com a Copa do Mundo no final do ano, veremos se a demanda por projetores será alta como nas Copas anteriores. A maioria dos especialistas aposta que é mera questão de tempo para isso mudar, com os fabricantes oferecendo cada vez mais opções em TVs, enquanto marcas tradicionais de projetores – Epson, BenQ, Casio, Sony – preferem focar no segmento corporativo.

Voltando aos eventos internacionais, na NAB, direcionada ao segmento broadcast, a maior atração foram os painéis de LED (OLED também) para estúdios e eventos, que permitem “transportar” o(a) apresentador(a) a qualquer lugar do mundo sem que ele(ela) saia do lugar. Tamanho não é problema para fabricantes como Planar/Leyard, Absen e Unilumin, já que os painéis são montados em blocos de leds que podem ser acrescentados à vontade, conforme a aplicação.

 


Já a DisplayWeek é um evento essencialmente técnico, visitado por pesquisadores, cientistas e estudantes, onde a indústria exibe seus protótipos. Um deles foi este incrível painel OLED 4K de 97″, da LG, que utiliza a tecnologia EX, com um elemento químico chamado deutério que amplia os níveis de brilho (detalhes aqui).

No mesmo evento, foi exibida uma TV OLED de 77″ em resolução 8K HDR, equipada com um inédito sistema de lentes internas que eleva a luminosidade da tela para 2.000 nits (quase 3X mais que as OLED atuais), a mais alta obtida até hoje com essa tecnologia.

Curiosamente, a edição 2022 da ISE, realizada em Barcelona, teve o que pode ser chamado de “canto de cisne” da tecnologia LCD: um painel 8K HDR de 120″ utilizando backlight (de leds comuns). A façanha foi da joint-venture Sharp NEC, união das duas tradicionais marcas japonesas – financiada em parte por yuans chineses. Se e quando chegar ao mercado, terá peso de 206kg e custará algo em torno de US$ 122.000 no mercado americano.

Coisa de milionário excêntrico, e com sala bem grande.

 

Finalmente, dois grandes destaques na InfoComm realizada no início do mês em Las Vegas. A Samsung exibiu duas novas versões do display The Wall, sendo uma 4K de 146″, com a identificação “all-in-one”: o sistema de montagem é revolucionário, com encaixes pré-configurados, permitindo que os módulos LED se comuniquem sem os conectores convencionais.

 

E, no estande da Leyard, muita gente parou para ver o super painel LED Planar UC Complete, desenhado para aplicações de videoconferência, cujo formato da tela 16:9 pode ser alterado para 21:9 ou até 32:9. O maior tamanho é de 205″. Nos dois casos (Samsung e Leyard), os produtos devem chegar ao mercado ainda este ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.