TV 8K: perigo à vista

Ainda como adendo ao comentário sobre lojas virtuais: uma busca no Google sobre “TVs 8K” me levou a entrar no site da Ponto Frio, onde encontrei a chamada smart tv ultra hd 8k (assim mesmo, em minúsculas). Sabendo que, por enquanto, somente no Japão pode-se comprar um TV desse tipo, ainda assim um único modelo, da Sharp, fui conferir as ofertas da loja brasileira. 

Ali, como é comum hoje em dia, misturam-se TVs Full-HD e UHD (4K) sem a menor cerimônia. O consumidor menos informado, mais uma vez, corre altos riscos. Percorrendo todos os itens, um total de 64, não há um só TV 8K. Nem poderia haver, porque nenhum fabricante lançou ainda, nem deve lançar tão cedo. Quando (e se) o fizer, o preço será tão alto que afugentará os mortais.

Para não parecer má vontade, continuei a busca e… bingo: no no site do Extra, aparecem nada menos do que 430 itens como “smart tv 8k”, e – pior ainda – misturando todo tipo de acessório que possa, ainda que vagamente, lembrar um TV. Deve ser o fenômeno das fake news chegando ao varejo. 

Talvez nada disso seja novidade, mas fica aqui a dica. Na maioria dos sites de compras, um simples letrinha (no caso, “K”) pode fazer muita diferença, ainda mais com as fontes gráficas minúsculas que se usam. Fuja!

No comments yet.

Deixe uma resposta